08
nov
2016
10 filmes com mulheres fortes!
Categorias: Listas Radioativas • Postado por: Mariana Tocci

A lista de hoje faz uma homenagem às mulheres inspiradoras, empoderadas e fortes! Foram escolhidos dez filmes que possuem como protagonista ou – em alguns casos – como coadjuvante, uma menina, moça ou uma jovem adulta que servem de inspiração para outras mulheres. São seres reais e fictícios que desafiaram, de algum modo, a imagem que a sociedade construiu do ser mulher!

Agora chega de enrolação e vamos aos longas!

10) GRAVIDADE (GRAVITY. ALFONSO CUARÓN, 2013)

sandra_bullock-1

Vencedor de diversos prêmios, como o Oscar de Melhor Diretor, este filme traz Sandra Bullock como a doutora Ryan Stone. Depois de ficar sozinha no espaço devido a um acidente, ela tem que arranjar uma maneira de sobreviver enquanto lida com seus próprios pensamentos sobre a vida. Não é para qualquer um!

09) ORGULHO E PRECONCEITO (PRIDE AND PREJUDICE. JOE WRIGHT, 2006)

5262

Quando se pensa em mulheres empoderadas e fortes, geralmente, pensa-se em moças que não desejam se casar, que querem ter uma carreira ou, pelo menos, que não esperam que o casamento seja o ponto alto de sua vida. O filme baseado no livro homônimo de Jane Austen, traz Elizabeth Bennet (Keira Knightley) exatamente como esta mulher. Porém, ela vive na Inglaterra em 1797, o que torna os desejos de nossa protagonista bem mais difíceis de se realizarem! Perfeito para quem acredita que mulheres inspiradoras e romance não são opostos! Se você ainda não assistiu à esse filme, corre para a Netflix!

08) A VIDA SECRETA DAS ABELHAS (THE SECRET LIFE OF BEES. GINA PRINCE BYTHEWOOD, 2008)

a-vida-secreta-das-abelhas

Atrás de pistas sobre o passado de sua mãe, Lily Owens (Dakota Fanning) foge de casa com sua empregada Rosaleen (Jennifer Hudson). Ela acaba encontrando as irmãs Boewright que vão lhe dar diversos ensinamentos sobre a vida. Aqui, as três irmãs negras que servem de exemplo para o resto da sociedade local, nos mostram como serem mulheres fortes, cada uma a seu jeito. Está disponível na Netflix!

07) O SORRISO DE MONA LISA (MONA LISA SMILE. MIKE NEWELL, 2003)

o-sorriso-de-monalisa-jpg2_

Conhecido por alguns como a versão feminina de Sociedade dos Poetas Mortos (Peter Weir), o longa conta a história da professora Katharina Watson (Julia Roberts) que se assusta com o conservadorismo da Wellesley College. O desafio da professora de arte é ampliar a visão de suas alunas que só pensam em maridos e em serem boas donas de casa. O Sorriso de Mona Lisa é obrigatório para quem se interessa por liberdade feminina!

06) VALENTE (BRAVE. MARK ANDREWS, BRENDA CHAPMAN, STEVE PURCELL, 2012)

maxresdefault

O representante das animações nesta lista traz uma princesa, Merida, decidida a traçar seu próprio rumo e a não seguir o que a tradição manda. Fugindo de um possível casamento arranjado, a princesa briga com a rainha e acaba entrando em uma história sobre o amor maternal e sobre o que é ter uma verdadeira coragem. Este é o primeiro filme da Pixar a ser protagonizado por uma mulher! Valente ganhou, em 2013, o Oscar e o Globo de Ouro de Melhor Animação. Está disponível na Netflix!

05) HISTÓRIAS CRUZADAS (THE HELP. TATE TAYLOR, 2011)

imageb01

Este filme é recheado de mulheres maravilhosas! Também inspirado em um livro, o longa conta a história de Skeeter (Emma Stone), uma moça branca do Mississipi, que decide escrever sobre a vida de empregadas negras das famílias ricas da cidade. Aibileen Clark (Viola Davis) e Minny Jackson (Octavia Spencer) dão depoimentos à moça e desafiam assim a sociedade do Mississipi contando tudo a que são submetidas. Um retrato imperdível da sociedade sulista americana nos anos 60!

04) A DUQUESA (THE DUCHESS. SAUL DIBB, 2008)

download

Mais um filme da lista que se passa na Inglaterra, no século XVIII, e é protagonizado por Keira Knightley. No longa baseado em fatos reais, ela dá vida à Duquesa Georgiana que ficou conhecida por fazer campanhas políticas (em um período que as mulheres ainda não votavam), pelo gosto por jogos e por seu caso com Charles Grey. Os mais sensíveis talvez tenham que pegar um lencinho para segurar as lágrimas ao final do filme. É possível conferir o ganhador do Oscar de Melhor Figurino, em 2009, na Netflix!

03) ESCRITORES DA LIBERDADE (FREEDOM WRITERS. RICHARD LAGRAVENESE, 2007)

640x0_1407958787

O filme estrelado por Hilary Swank conta a história real de Erin Gruwell, professora de uma escola em um bairro pobre. O longa discute os conflitos raciais entre os alunos e o sistema educacional dos Estados Unidos. Ao desafiar este sistema para se conectar com seus alunos, Erin desafia também seu casamento, sua zona de conforto e se torna uma inspiração para outras mulheres! O filme é baseado em um diário escrito pela professora e seus alunos. Escritores da Liberdade também está na Netflix!

02) AS SUFRAGISTAS (SUFRAGETTE. SARAH GRAVON, 2015)

_sufragistas

O filme mais recente da lista é ambientado em 1912, na Inglaterra, época em que as sufragistas estavam cansadas de agir pacificamente e decidem partir para a desobediência civil. Estas eram as mulheres que lutavam para poderem ter direito ao voto. No longa, algumas personagens são inspiradas em inglesas reais, outras são fictícias, mas o importante é que todas estão representando as mais de mil mulheres que foram presas no país naquele tempo. Com Merly Streep, Carey Mulligan e Helena Boham Carter, se As Sufragistas não inspirar e comover outras mulheres, eu não sei mais o que vai!

01) THELMA & LOUISE (IDEM. RIDLEY SCOTT, 1991)

19352525_20131022150948939

Neste ano, o filme que causou um certo incômodo na indústria quando foi lançado completa 25 anos. Duas amigas tornam-se fugitivas depois que Louise (Susan Sarandon) mata um homem que tenta estuprar Thelma (Geena Davis). O longa incomodou a sociedade por tratar de relacionamentos abusivos, assédios, culpabilização da vítima e pela forma em que as protagonistas respondiam a tudo isso. Thelma & Louise é uma aula sobre mulheres fortes, amizade entre elas e feminismo! O filme foi indicado a seis Oscar, mas ganhou apenas um, o de Melhor Roteiro. Dá pra conferir na Netflix!

Estas são só algumas das mulheres que se você ainda não conhece, merece dar uma chance! Claro que existem muitas outras em ótimos filmes como Frida, Mulan, O Diabo Veste Prada, Chicago… Mas e aí, gostou desta lista? Achou que ficou faltando alguém? Conta para gente!



Apaixonada por filmes da Disney, mas assisto de tudo um pouco: musicais, filmes antigos, séries (só não me deixe sozinha assistindo um filme de terror, por favor). Sou estudante de Jornalismo e ainda acredito que a Summer, de (500) Dias Com Ela, não era uma vadia.