07
set
2015
Crítica: “Love”

Love Gaspar Noé, 2015 Roteiro: Gaspar Noé Imovision 3 Você deve ter ouvido falar de Gaspar Noé, mesmo que indiretamente, ao menos uma vez em sua vida. Ele é aquele diretor argentino, radicado na França, que sempre promete chocar toda e qualquer […]


Continue lendo...
02
set
2015
Crítica: “A Partida”

A Partida (Okuribito) Yojiro Takita, 2008 Roteiro: Kundo Koyama Paris Filmes 4 Longa vencedor do Oscar de melhor filme estrangeiro em 2009, encanta pela simplicidade e mostra que o cinema japonês merece cada vez mais a nossa atenção. “A Partida” (Okuribito) conta […]


Continue lendo...
27
ago
2015
Crítica: “Parceiras Eternas”

Parceiras Eternas Susanna Fogel, 2014 Roteiro: Susanna Fogel, Joni Lefkowitz Magnolia Pictures 3.5 Apesar de ter Leighton Meester e Adam Brody no elenco, o filme Parceiras Eternas não teve um grande destaque, e no Brasil, não chegou na maioria dos […]


Continue lendo...
25
ago
2015
Crítica: “Mortdecai – A Arte da Trapaça”

Mortdecai – A Arte da Trapaça David Koepp, 2015 Roteiro: Eric Aronson Lionsgate 2 A união de atores tão ilustres como Johnny Depp, Gwyneth Paltrow e Ewan McGregor não poderia resultar em tragédia, não é mesmo? Pois não é essa […]


Continue lendo...
23
ago
2015
Crítica: “Quarteto Fantástico”

Quarteto Fantástico (Fantastic Four) Josh Trank, 2015 Roteiro: Jeremy Slater, Simon Kinberg e Josh Trank 20th Century Fox 1 O Quarteto Fantástico ou o fiasco do gênero de Super-Heróis atual foi um filme que decepcionou em inúmeras questões. Não só […]


Continue lendo...
13
ago
2015
Crítica: “A Escolha Perfeita 2”

A Escolha Perfeita 2 Elizabeth Banks, 2015 Roteiro: Kay Cannon e Mickey Rapkin Universal Pictures 3 A Escolha Perfeita 2, como se pode esperar da maioria das continuações, deixa algumas coisas a desejar, mas também tem seu lado positivo. O […]


Continue lendo...
04
ago
2015
Crítica: “Beleza Adormecida”

Beleza Adormecida (Sleeping Beauty) Julia Leigh, 2011 Roteiro: Julia Leigh Screen Australia & Magic Films 1.5 Nem sempre uma boa ideia é sinônimo de um bom filme. O motivo disso é que qualquer enredo pode ser arruinado, seja por direção […]


Continue lendo...
26
jul
2015
Crítica: “Mapas para as Estrelas”

Mapas para as Estrelas David Cronenberg, 2014 Roteiro: Bruce Wagner Paris Filmes 4 Assistir a um filme de David Cronenberg é se surpreender a cada instante com o grotesco. O diretor consegue provocar nojo em seu público com facilidade e brincar […]


Continue lendo...